Uma igreja teve o seu início em 1910 e a sua finalização 1918, substituindo uma outra mais antiga, tendo como principal orago a Santa Marinha.

Uma igreja com pouco mais de cem anos, teve o seu início em 1910 e a sua finalização 1918. Veio então substituir uma outra mais antiga, tendo como principal orago a Santa Marinha.

História

Igreja de Santa Marinha
Fachada frontal
Igreja de Santa Marinha
Lateral norte
Igreja de Santa Marinha
Lateral sul

A Igreja de Santa Marinha, como todos os templos religiosos da região entre Espinho e Aveiro, traduz a tendência manifestada entre o final do século XIX e o século XX, em que as fachadas destes imóveis eram revestidas por azulejos.

A par desta verdadeira obra azulejar, está a poucos metros um outro tipo de obra que marcou também o mesmo período, o trabalho escultórico com uma utilização revivalista, como são os jazigos do Velho Cemitério.

Uma igreja com pouco mais de cem anos, teve o seu início em 1910 e a sua finalização 1918. Veio então substituir uma outra mais antiga, tendo como principal orago a Santa Marinha, a qual se encontra no plano central do edifício.

Descrição

Igreja de Santa Marinha
Fachada leste
Igreja de Santa Marinha
Painel de
azulejos

Desenvolve-se longitudinalmente, em que a fachada principal está orientada a poente.

É formada por nave e capela-mor, ladeada duas torres laterais, e atrás destas, em ambos os lados, estão adossadas duas capelas, seguindo-se as sacristias.

Fachada

Fachada da Igreja de Santa Marinha
Fachada
da Igreja

A fachada, toda revestida de azulejos, apresenta o pano central a finalizar com um frontão triangular. Esta é marcada pela abertura do portal principal em verga reta encimada por um janelão em arco de volta perfeita e com guarda em pedra, finalizando pelo frontão.

O frontão é coroado por três esculturas, em que ao centro está representada Santa Marinha, com São Miguel à direita e São Martinho à esquerda. Este pano central é ladeado por duas torres com coberturas piramidais.

Os azulejos possuem figuras decorativas referentes aos Santos Pedro, Paulo, João Bosco e Francisco de Assis, ao Coração de Maria e ao Coração de Jesus.

Jazigos do Antigo Cemitério

Antigo Cemitério
Cemitério
Antigo Cemitério
Cemitério
Antigo Cemitério
Cemitério

Classificação

O conjunto da Igreja com os Jazigos do Antigo Cemitério está classificado como Imóvel de Interesse Público.

Localização

No centro da freguesia de Cortegaça, a igreja situa-se no extremo oeste da Rua Padre Manuel Pereira, estando o cemitério próximo do outro extremo desta rua.

Coordenadas GPS: N 40 56.576' W 008 37.508'  (40.94293, -8.62513)

Referências

 

Temas / Tags

Cortegaça, publicado em por