Esta ponte remonta ao tempo medieval, do século XIII, seguindo uma arquitetura românica de um só arco e de construção em cantaria.

Descrição

Ponte da Manica
Ponte, lado juzante
Ponte da Manica
Ponte, lado montante
Ponte da Manica
Acesso, lado oeste
Ponte da Manica
Acesso, lado leste

Atualmente está com necessidade de recuperação após vários anos, talvez séculos, de declínio da estrutura e da sua função. A ponte que atravessa o rio Ul faz a ligação entre a freguesia de Madail e a sede do Concelho de Oliveira de Azeméis.

Remonta ao tempo medieval, mais concretamente ao século XIII, seguindo uma arquitetura românica de um só arco e de construção em cantaria.

Caminhos de Santiago

Serviu as populações locais, como também a passagem dos peregrinos de Santiago de Compostela, sendo estes últimos apoiados por um hospital localizado no pequeno povoado de Madail, conferindo a sua existência ao foral atribuído à Feira em 1251.

Via Medieval
Via Medieval
Via Medieval
Via Medieval

Este hospital acabou por definir a importância do Caminho de Santiago. O seu fim como tal contribuiu para o esquecimento da via e consequentemente da ponte por parte dos peregrinos que acabou por servir somente as localidades.

A ponte teve o seu momento alto pelas peregrinações, tal como o caminho que lhe acessa, onde ainda existe um pequeno troço da via igualmente medieval que faz ligação à ponte.

Localização

Coordenadas GPS: N 40 50.102' W 008 29.558'  (40.83503, -8.49263)

Referências

Temas / Tags

Madail, publicado em por